Editorial
04 de Julho de 2012
14º Domingo do Tempo Comum

Primeira leitura - Ez 2, 2-5
 
Leitura da Profecia de Ezequiel.
 
Naqueles dias, depois de me ter falado,
entrou em mim um espírito que me pôs de pé.
Então, eu ouvi aquele que me falava,
o qual me disse:
"Filho do homem,
eu te envio aos israelitas, nação de rebeldes,
que se afastaram de mim.
Eles e seus pais se revoltaram contra mim
até ao dia de hoje.
A estes filhos de cabeça dura e coração de pedra,
vou-te enviar, e tu lhes dirás:
Assim diz o Senhor Deus'.
Quer te escutem; quer não
- pois são um bando de rebeldes -
ficarão sabendo que houve entre eles um profeta
 
Palavra do Senhor.
Graças a Deus
 
 
Salmo responsorial - Sl 122
 
Os nossos olhos, estão fitos no senhor:
tende piedade, ó senhor tende piedade!
 
Eu levanto os meus olhos para vós,
que habitais nos altos céus.
Como os olhos dos escravos estão fitos
nas mãos do seu Senhor.
 
Os nossos olhos, estão fitos no senhor:
tende piedade, ó senhor tende piedade!
 
Como os olhos das escravas estão fitos
nas mãos de sua senhora,
assim os nossos olhos, no Senhor,
até de nós ter piedade.
 
Os nossos olhos, estão fitos no senhor:
tende piedade, ó senhor tende piedade!
 
Tende piedade, ó Senhor, tende piedade,
já é demais esse desprezo!
Estamos fartos do escárnio dos ricaços
e do desprezo dos soberbos!
 
Os nossos olhos, estão fitos no senhor:
tende piedade, ó senhor tende piedade!
 
 
Segunda leitura  - 2Cor 12,7-10
 
Leitura da Segunda Carta de São Paulo aos Coríntios
 
Irmãos:
Para que a extraordinária grandeza
das revelações não me ensoberbecesse,
foi espetado na minha carne um espinho,
que é como um anjo de Satanás a esbofetear-me,
a fim de que eu não me exalte demais.
A esse propósito,
roguei três vezes ao Senhor que o afastasse de mim.
Mas ele disse-me:
“Basta-te a minha graça.
Pois é na fraqueza que a força se manifesta”.
Por isso, de bom grado,
eu me gloriarei das minhas fraquezas,
para que a força de Cristo habite em mim.
Eis porque eu me comprazo nas fraquezas, nas injúrias,
nas necessidades, nas perseguições
e na angústias sofridas por amor a Cristo.
Pois, quando eu me sinto fraco,
é então que sou forte.
 
Palavra do Senhor.
Graças a Deus
 

 
Evangelho: Mc 6,1-6
 
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo, segundo Marcos
 
Naquele tempo,
Jesus foi a Nazaré, sua terra,
e seus discípulos o acompanharam.
Quando chegou o sábado, começou a ensinar na sinagoga.
Muitos que o escutavam ficavam admirados
e diziam:
“De onde recebeu tudo isto?
Como conseguiu tanta sabedoria?
E esses milagres
que são realizados por suas mãos?
Este homem não é o carpinteiro, filho de Maria
e irmão de Tiago, de Joset, de Judas e de Simão?
Suas irmãs não moram aqui conosco?”
E ficaram escandalizados por causa dele.
Jesus lhe dizia:
“Um profeta só não é estimado em sua pátria,
entre seus parentes e familiares”.
E ali não pôde fazer milagre algum.
Apenas curou alguns doentes, impondo-lhes as mãos.
E admirou-se com a falta de fé deles.
Jesus percorria os povoados das redondezas, ensinando.
 
Palavra da Salvação
Glória a vós, Senhor.

Reflexão

Na realização dos seus planos, Deus sempre chama e
envia pessoas para serem a sua VOZ no meio do Povo.
 
As leituras falam de três escolhidos por Deus
para serem instrumentos de sua Palavra:
- Um Profeta desterrado...
- Um "carpinteiro", filho de Maria;
- Um que reconhece suas fraquezas...
 
A 1a Leitura fala da Missão de EZEQUIEL. (Ez 2, 2-5)
 
Vemos os elementos da vocação profética:
- A Iniciativa é sempre de Deus;
- O chamado é um "filho de homem";
- A Missão é ser a VOZ DE DEUS no meio do povo.
 

Na2a Leitura, PAULOfala da sua experiência:

as dificuldade encontradas no seu apostolado.(2 Cor 12, 7-10)

 
Paulo assegura aos cristãos de Corinto, que Deus atua e manifesta 
seu poder no mundo através de instrumentos fracos e limitados.
 - Deus garante a Paulo e a todos os que têm algum tipo de "espinho":
"Basta-te a minha graça; pois é na fraqueza que a força se realiza plenamente".
 
No Evangelho, encontramos a experiência de CRISTO.(Mc 6, 1-6)
 
Jesus volta a Nazaré e ensina na sinagoga. 
- O povo se admira da sabedoria, dos milagres… e, perplexo, se pergunta:
  "Quem é esse homem?Não é ele o carpinteiro, o filho de Maria?"
- Este Jesus não podia ser o Messias esperado.
Eles esperavam um guerreiro como Davi, sábio como Salomão.
Não um humilde carpinteiro. Eles o conheciam muito bem:
o carpinteiro, filho de Maria, não poderia ser o enviado de Deus…
 
- Sua Palavra escandaliza, sua mensagem gera oposição e sua vida cria conflitos.  
  Não conseguem reconhecer em Jesus o Messias esperado e o rejeitam.
  Até os parentes de Jesus não aderem à sua mensagem.
* Como ficaria uma visita de Jesus, hoje?
 
- JESUS, decepcionado, concluiu: "Um Profeta não é estimado entre os seus".
   Mas apesar da incompreensão, continuou fiel aos planos do Pai...
 
Quem são os Profetas?
Os "profetas não são pessoas extintas do passado, mas são uma realidade
com que Deus continua a contar ainda hoje para intervir no mundo.
Todo "batizado" tem a sua história de vocação profética...
O Profeta não é o encarregado de fazer milagres e prever o futuro.
Deus espera dele uma coisa: que transmita a sua palavra.
Deus não tem boca e precisa de alguém para ser a sua "Voz".
- Para isso, deve escutar a mensagem de Deus e
  deixar que ela penetre até o íntimo do coração…
  E depois anunciá-la com entusiasmo e fidelidade.
 
   Como desempenhar a missão de Profeta?
    Ele deve estar em comunhão com Deus e atento à realidade humana.
    Intervém, em nome de Deus, para denunciar, para avisar, para corrigir.
- A denúncia profética implica, muitas vezes, a perseguição, o sofrimento,
  a marginalização e, em muitos casos, a própria morte...
- Normalmente, Deus não se manifesta na força, no poder,
  nas qualidades que os homens admiram tanto.
  Ele vem ao nosso encontro na fraqueza, na simplicidade,
  nas pessoas mais humildes e despretensiosas...
- As nossas limitações humanas não podem servir de desculpa
  para não realizar a missão que Deus nos confia.
  Se ele nos pede um serviço, também nos dará a força
  para superar os nossos limites e para cumprir o que nos pede.
 
 Jesus não fez milagres em Nazaré, porque não acreditaram nele...
   Só a fé dá condições para que os milagres aconteçam...
 
- Hoje, afirma-se que "Santo de casa não faz milagre".
  Por que será? A culpa é dele ou nossa?
- Conhecemos pessoas, ignoradas ou rejeitadas na própria Comunidade,
  que fazem grande sucesso lá fora?  Por que será?
 
   A Liturgia de hoje nos apresenta três exemplos bonitos:
   Ezequiel, Paulo e Jesus.
   Diante das dificuldades, nenhum desistiu. Lutaram e venceram.
 
* Nós também podemos nos sentir na mesma situação:
  O testemunho, que Deus nos chama a dar, realiza-se,
  muitas vezes, no meio de incompreensões e oposições…
  Frequentemente nos sentimos desanimados e frustrados
  porque não somos entendidos, nem acolhidos.
  Temos a sensação de que estamos perdendo tempo…
  Jesus nos convida a nunca desanimar, nem desistir:
  Ele sabe como transformar um fracasso num êxito.
 
Qual a nossa atitude?
 
- Nós continuamos a ser a "Voz" de Deus na comunidade, na família,
   mesmo diante das contrariedades e adversidades?
- Valorizamos as pessoas que atuam com dedicação em nossa comunidade,
   acolhendo-as como a "Voz" de Deus?
 
Façamos nossa profissão de fé, não apenas em Deus,
mas também nas pessoas com quem convivemos…
E veremos, que os santos de casa também farão milagres…

 

                            Pe. Antônio Geraldo Dalla Costa

Outros Editorial
12/10/14
Nosse Senhora Aparecida
1a Leitura – Est 5,1b-2;7,2b-3   Leitura do Livro de Ester   Ester revestiu-se com vestes de rainha e foi colocar-se no vestíbulo interno do palácio real, frente à residência do rei. O rei estava sentado no trono real, na sala do trono, frente à entrada. Ao ver a rainha ...
03/10/14
27° Domingo do tempo Comum
1a Leitura - Is 5,1-7   Leitura do Livro do Profeta Isaías   Vou cantar para o meu amado o cântico da vinha de um amigo meu: Um amigo meu possuía uma vinha em fértil encosta. Cercou-a, limpou-a de pedras, plantou videiras escolhidas, edificou uma torre no meio e construiu um lagar; ...
25/09/14
26° Domingo do Tempo Comum
1a Leitura - Ez 18,25-28   Leitura da Profecia de Ezequiel   Assim diz o Senhor: Vós andais dizendo: “A conduta do Senhor não é correta”. Ouvi, vós da casa de Israel: É a minha conduta que não é correta, ou antes é a vossa conduta que nã...
11/09/14
Festa da Exaltação da Santa Cruz
Primeira leitura: Nm 21,4-9   Leitura do livro dos Números   Naqueles dias, Os filhos de Israel partiram do monte Hor, pelo caminho que leva ao Mar Vermelho, para contornarem o país de Edom. Durante a viagem o povo começou a impacientar-se, e se pôs a falar contra Deus e contra Mois&...
29/08/14
22° Domingo do Tempo Comum
1a Leitura - Jr 20,7-9         Leitura do Livro do Profeta Jeremias   Seduziste-me, Senhor, e deixei-me seduzir; foste mais forte, tiveste mais poder. Tornei-me alvo de irrisão o dia inteiro, todos zombam de mim. Todas as vezes que falo, levanto a voz, clamando contra a mal...
22/08/14
21° Domingo do Tempo Comum
1a Leitura - Is 66, 18-21   Leitura do Livro do Profeta Isaías   Assim diz o Senhor a Sobna, o administrador do palácio: "Eu vou te destituir do posto que ocupas e demitir-te do teu cargo. Acontecerá que nesse dia chamarei meu servo Eliacim, filho de Helcias, e o vestirei com a tua t&ua...
06/08/14
19° Domingo do Tempo comum
1a Leitura - 1Rs 19,9a.11-13a   Leitura do Primeiro Livro dos Reis   Naqueles dias, ao chegar a Horeb, o monte de Deus o profeta Elias entrou numa gruta, onde passou a noite. E eis que a Palavra do Senhor lhe foi dirigida nestes termos: "Sai e permanece sobre o monte diante do Senhor, porque o Senhor vai...
25/07/14
17° Domingo do Tempo Comum
1a Leitura - 1Rs 3,5.7-12   Leitura do Primeiro Livro dos Reis   Naqueles dias, Em Gabaon o Senhor apareceu a Salomão, em sonho, durante a noite, e lhe disse: "Pede o que desejas, e eu te darei". E Salomão disse: "Senhor meu Deus, tu fizeste reinar o teu servo em lugar de Davi, me...
18/07/14
16° Domingo do Tempo Comum
1a Leitura - Sb 12,13.16-19   Leitura do Livro da Sabedoria   Não há, além de ti, outro Deus que cuide de todas as coisas e a quem devas mostrar que teu julgamento não foi injusto. A tua força é princípio da tua justiça, e o teu domínio sobre todos ...
09/06/14
15° Domingo do Tempo Comum
1a Leitura - Is 55,10-11   Leitura do Livro do Profeta Isaías   Isto diz o Senhor: "Assim como a chuva e a neve descem do céu e para lá não voltam mais, mas vêm irrigar e fecundar a terra, e fazê-la germinar e dar semente, para o plantio e para a alimentaç&at...
06/06/14
Pentecoste
PRIMEIRA LEITURA –At 2,1-11   Leitura dos Atos dos Apóstolos   Quando chegou o dia de Pentecostes, os discípulos estavam todos reunidos no mesmo lugar. De repente, veio do céu um barulho como se fosse uma forte ventania, que encheu a casa onde eles se encontravam. Então aparec...
24/05/14
6° Domingo de Pascoa
Primeira leitura – At 8,5-8.14-17   Leitura dos Atos dos Apóstolos   Naqueles dias, Filipe desceu a uma cidade da Samaria e anunciou-lhes o Cristo. As multidões seguiam com atenção as coisas que Filipe dizia. E todos unânimes o escutavam, pois viam os milagres que ele faz...
17/05/14
5° Domingo do Tempo Comum
Primeira leitura - At 6,1-7   Leitura dos Atos dos Apóstolos   Naqueles dias, o número dos discípulos tinha aumentado, os fiéis de origem grega começaram a queixar-se dos fiéis de origem hebraica. Os de origem grega diziam que suas viúvas eram deixadas de lado n...
08/05/14
4° Domingo de Pascoa
Primeira leitura - At 2,14a.36-41   Leitura dos Atos dos Apóstolos   No dia de Pentecostes, Pedro, de pé; no meio dos onze apóstolos, levantou a voz e falou à multidão: Que todo o povo de Israel reconheça com plena certeza: Deus constituiu Senhor e Cristo a este Jesus ...
26/04/14
2° Domingo de Pascoa
  Primeira leitura: At 2,42-47   Leitura dos Atos dos Apóstolos   Os que haviam se convertido eram perseverantes em ouvir o ensinamento dos apóstolos, na comunhão fraterna na fração do pão e nas orações. E todos estavam cheios de temor por causa ...
11/04/14
Domingo de Ramos
Procissão de ramos — Evangelho: Mt 21,1-11   Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus   Naquele tempo, Jesus e seus discípulos aproximaram-se de Jerusalém e chegaram a Betfagé, no monte das Oliveiras. Então Jesus enviou dois discípulos,...
06/04/14
5° Domingo do Tempo comum
Primeira leitura: Ez 37,12-14   Leitura da profecia de Ezequiel   Assim fala o Senhor Deus: Ó meu povo, vou abrir as vossas sepulturas e conduzir-vos para a terra de Israel; e quando eu abrir as  vossas sepulturas e vos fizer sair delas, sabereis que eu sou o Senhor. Porei em vós o meu esp&i...
26/03/14
4° Domingo do Tempo comum
Primeira leitura - 1Sm 16,1b.6-7.10-13a   Leitura do Primeiro Livro de Samuel   Naqueles dias, o Senhor disse a Samuel. Enche o chifre de óleo e vem para que eu te envie à casa de Jessé de Belém pois escolhi um rei para mim entre os seus filhos: Assim que chegou, Samuel viu a Eliab e...
13/03/14
2° Domingo do Tempo comum
Primeira leitura: Gn 12,1-4a   Leitura do Livro do Gênesis   Naqueles dias, o Senhor disse a Abrão. "Sai da tua terra, da tua família e da casa do teu pai e vai para a terra que eu te vou mostrar. Farei de ti um grande povo e te abençoarei engrandecerei o teu nome, de modo que e...
02/03/14
8° Domingo do Tempo comum
Primeira leitura– Is 49,14-15   Leitura do Livro do Profeta Isaías   Disse Sião: “O Senhor abandonou-me, O Senhor esqueceu-se de mim!” Acaso pode a mulher esquecer-se do filho pequeno, a ponto de não ter pena do fruto de seu ventre? Se ela se esquecer, eu, porém, n...
 
Santuário Eucarístico Diocesano
Paróquia Nossa Senhora de Fátima | WebMail
Praça João XXIII S/N - CEP 87200-000
Caixa Postal 152 | Cianorte - Paraná
Fone-Fax (44) 3619-1493